Estudantes de economia do mundo, uni-vos!

O The Guardian publicou uma matéria esse fim de semana sobre uma associação de estudantes de economia pedindo por mais pluralidade/interdisciplinaridade (todo mundo sabe que “pluralidade” é codinome pra marxist bollocks). Trechos do artigo: Economics students from 19 countries have joined forces to call for an overhaul of the way their subject is taught, saying…

Details

Retrocesso

Nos anos 80 e 90, o reajuste da tabela de desconto do IR pela inflação era item constante da pauta de reivindicações dos sindicalistas. Essa medida típica da agenda do final do século passado ter sido incluída no pacote de bondades anunciado por Dilma no 1º de Maio com objetivo de estancar a queda da…

Details

Os ricos tomam mais risco do que os pobres? Um estudo com “dados naturais”

  Os economistas há muito se interessam por entender a atitude das pessoas com relação a risco. O interesse de longa data é compreensível: virtualmente todas as decisões econômicas pelas quais se interessam — que carreira seguimos, quanto investimos em educação, com quem casamos, como gastamos nossa renda e onde investimos, como e qual instrumento…

Details

Programa de (Des)Aceleração do Crescimento?

O Eduardo Zilberman, professor do Departamento de Economia da PUC-Rio, escreveu um artigo em co-autoria com o Julio Mereb dizendo que o Programa de Aceleração do Crescimento, na verdade, pode ter desacelerado o crescimento! O argumento deles é interessante: Quando o governo fala que vai investir em infraestrutura, o mercado privado segura um pouco seus…

Details

“Por que Imposto sobre aeronaves é uma má ideia?”: Comments from X, the founder

My name is Economist X Dado o numero recorde de comentários sobre o post mencionado, decidi, como fundador desse Blog, me manifestar imparcialmente, como um tradicional Ombudsman. 1 – Safatle não sabe economia. ponto. Sérgio está certo. 2 – A incidência de impostos depende mesmo apenas das elasticidades, e não de quem legalmente é obrigado a…

Details

(Sub)Desenvolvimentismo

O pensamento econômico predominante no Brasil é desenvolvimentista, digo, subdesenvolvimentista, basta ver como a economia é conduzida. Nesse ambiente, seria estranho não existir pensadores como Belluzzo. Por que predominam nos meios de comunicação também? Primeiro, porque os economistas mainstream não têm interesse ou tempo para o debate, talvez pensando que o mercado se regula. Ao…

Details

São Pedro

São Paulo, sábado, oito e meia da noite, chove forte. Aquela chuva que foi rara no último verão paulistano. A luz de casa começou a piscar. Daqui a pouco, muito provavelmente, a minha conexão com a internet cairá. Certamente muitos semáforos não estão funcionando na cidade. Vários pontos de alagamento já devem ter surgido.  …

Details